30316060

Dia Mundial da Prematuridade: como garantir a saúde da mãe e do bebê?

O Dia Mundial da Prematuridade, celebrado em 17 de novembro, tem o objetivo de informar as futuras mamães sobre a importância de prevenir os partos prematuros e de oferecer os tratamentos adequados para garantir a sobrevivência e a qualidade de vida dos bebês nascidos antes do tempo. 

O nascimento prematuro é aquele que ocorre antes da 37ª semana de gestação e é a principal causa de mortalidade neonatal, além de ser responsável por complicações pulmonares e neurológicas. Só no Brasil, de acordo com Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF), 11,7% do total de nascimentos ocorrem prematuramente. 

Os motivos que levam ao parto prematuro vão de contrações ou dilatação do colo do útero até ruptura da bolsa, além de doenças da mãe ou do feto. Por isso, uma das formas de evitar o nascimento antes do tempo é o acompanhamento médico periódico. O especialista em medicina fetal da Clínica Evangelista Torquato, Everardo Guanabara, destaca a importância da assistência pré-natal e da medida do colo uterino para predizer, quando possível, esse parto antes de hora. 

“É importante que a grávida passe por exames ao longo da gestação, sendo os alguns deles as ultrassonografias morfológicas do primeiro e do segundo trimestre de gestação. Por esse método de imagens, é possível diagnosticar cardiopatias, infecções e outras patologias que podem contribuir para a prematuridade, além de se fazer o estudo do colo uterino obtendo a sua medida procurando identificar aqueles que são curtos e de risco para um parto prematuro”, explica o especialista.   

O acompanhamento mais detalhado por um especialista em medicina fetal, em parceria com o médico obstetra, é indicado no pré-natal das gestações de alto risco e da gravidez múltipla, já que na gestação de gêmeos é mais comum que o parto ocorra antecipadamente. “Para gêmeos, a média é 36-37 semanas de gestação. Já para os trigemelares, é 32-34 semanas”, afirma o Dr. Everardo Guanabara.

Sobre a data
O Dia Mundial da Prematuridade é uma iniciativa da European Foundation for the Care of Newborn Infants (EFCNI). Entre os objetivos da campanha estão informar as futuras mamães sobre os cuidados com esses recém-nascidos e diminuir a prematuridade, a partir do pré-natal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou do nosso site? Acompanhe as nossas redes sociais:

WhatsApp chat