30316060

4 sintomas da gravidez e como não confundir com a TPM

O organismo da mulher é altamente complexo e, por isso mesmo, não é incomum que as pessoas acabem confundindo algumas situações que podem acontecer ao longo da vida fértil. Sendo assim, aprender quais são os principais sintomas da gravidez e como não confundi-los com a TPM pode ser muito interessante.

Existe uma série de sinais relativamente similares para as duas condições que são causados por um mesmo hormônio conhecido como progesterona. No entanto, com um pouco mais de conhecimento de causa, é possível fazer a diferenciação. Confira o conteúdo a seguir e descubra como fazer isso!

1. Cólica e inchaço abdominal

A cólica e o inchaço abdominal estão, sem sombra de dúvidas, entre os principais sintomas da gravidez. Com o óvulo fecundado, ocorre uma sensível elevação do fluxo de sangue na região pélvica que eventualmente pode resultar em uma pequena perda de sangue, semelhante à menstruação, mas em pequena quantidade.

Na gestação, com os hormônios femininos em total ação para preservar o embrião, as dores na região da barriga não são raras, tendo variações de baixa e média intensidades. Qualquer incômodo mais forte ou duradouro merece ser mais bem avaliado, com uma visita ao seu médico de confiança.

2. Variações de humor

Tanto a gravidez quanto a TPM são épocas que são muito marcadas pelas questões que as envolvem, com diversas mudanças e variações de humor. Nas duas primeiras semanas da gestação, isso ocorre com mais intensidade, por conta das variações hormonais que podem ocasionar desequilíbrios no nível de alguns neurotransmissores.

3. Sangramentos

Muita gente não sabe, mas um dos primeiros sinais da gestação pode ser a presença de um sangramento vaginal bastante leve, que geralmente é percebido por meio de uma pequena mancha rosada ou marrom nas roupas íntimas. Ele ocorre na fase da nidação, e nem todas as mulheres reparam que tiveram.

Muitas vezes, essa ocorrência é confundida com um sangramento de escape da menstruação. No entanto, se você estiver tendo o seu período, o fluxo será visivelmente mais intenso e tende a durar até uma semana. Na gravidez, isso geralmente acontece entre 10 e 14 dias depois da concepção, não sendo suficiente para preencher absorventes ou tampões.

4. Enjoos e náuseas

Enjoos e náuseas são sintomas bastante comuns para as gestantes, sobretudo nos horários matinais. Eles surgem, na maioria das vezes, depois da 6ª semana de gravidez, podendo perdurar até o parto, embora haja uma diminuição sensível na recorrência desses quadros depois do primeiro trimestre.

Para mulheres que sofrem com uma TPM mais intensa, isso também pode acontecer em associação com dores de cabeça e tonturas. Entretanto, como o ciclo ocorre todos os meses, é natural que a pessoa já conheça o tipo e a intensidade do problema, sabendo como identificá-lo e diferenciá-lo de uma gestação.

Conhecendo melhor esses sintomas da gravidez e aprendendo como diferenciar de uma TPM comum, você adquire mais conhecimento e saberá quando o seu corpo estiver passando por uma gestação.

Gostou de aprender um pouco mais sobre os sintomas da gravidez? Então confira também o nosso outro artigo sobre 5 aplicativos para monitorar o ciclo menstrual!

Revisado por Dr. Evangelista Torquato (CRM-CE 5688 | RQE 6858) e Dra Raquel Mattos (CRM-CE 14268 | RQE 8013).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Gostou do nosso site? Acompanhe as nossas redes sociais:

WhatsApp chat